PUB.

A grande festa dos aviões está de regresso a Bragança já este fim de semana

É já este fim de semana, o primeiro de julho, que os céus do Nordeste Transmontano se pintam de cor, velocidade e adrenalina com performances onde, entre a multidão, reina a palavra “espetáculo”, dadas as acrobacias aéreas de alto nível a que o Careto AirShow já nos habituou.

Após um interregno de dois anos, motivado pela Covid-19, aquele que é considerado por muitos como um dos festivais aéreos de referência em solo nacional, terá como protagonista o já Campeão da Europa e Campeão do Mundo em acrobacias, no seu Sukhoi Su-31, o consagrado piloto espanhol Ramón Alonso, acompanhado por mais seis colegas que dominam com mestria o azul do horizonte.

No total, mais de uma centena de aviões com pilotos oriundos de Portugal, Espanha e França irá cruzar os céus, enquanto a verdadeira festa, há muito ansiada, se prepara ao nível do solo a partir das 15h30 de sábado.

Com base em Bragança, mais precisamente no aeródromo municipal, este é, sem dúvida, um dos eventos de verão mais importantes e significativos da Capital de Distrito, não só por aquilo que representa para a economia local, mas, essencialmente, pela projeção da cidade nordestina no contexto turístico português, ibérico e internacional, já que aposta na promoção da beleza do património histórico e paisagístico e da sua inerente gastronomia, tudo assente na já célebre hospitalidade das nossas gentes.

Mas nem só de aviões vive o Careto AirShow e daí, também, o sucesso conquistado, sobretudo, ao longo das últimas edições. Para além dos espetáculos de acrobacia, destaque para o desfile de automóveis clássicos, salto de paraquedistas Caretos, simuladores de voo, desfile e exposição de aeronaves, festa dos anos 80, baptismos de voo solidários, aeromodelismo e nem as crianças foram esquecidas com um espaço dedicado à diversão infantil.

ACB

No sábado, dia maior em termos de concentração de atividades, são esperadas muitas centenas ou mesmo milhares de visitantes, entre portugueses e espanhóis, com a animação a ser garantida pelos tradicionais e já habituais Caretos. E quando a fome apertar, nem precisarão de sair do recinto do Festival, já que, esta edição, o Aero Clube de Bragança, entidade presidida por Nuno Fernandes e responsável pela organização, decidiu implementar as “Tasquinhas da Posta Transmontana” que, para além, de petiscos e refeições ligeiras, à hora de almoço ou ao jantar, prometem servir os pratos mais típicos da região transmontana.

À noite, para além da festa dos anos 80 com início marcado para as 21h30 e intitulada, através de um jogo de palavras, de “Oitentamente”, responsável por encerrar o primeiro dia de festival, terá lugar a iniciativa “Night Glow – Voos de Balão de Ar Quente” que, se o tempo o permitir, trará, definitivamente, um mood distinto a um evento que, para os amantes dos céus e das aeronaves, é quase divino.

Adicionar novo comentário

CAPTCHA Esta questão tem a finalidade de prevenir publicações de spam.


PUB.